conselhos dietéticos parece estar sempre mudando. No entanto, existem alguns conceitos nutricionais básicos que você deve conhecer e que o ajudarão a planejar refeições e lanches ao longo do dia – tanto para você quanto para toda a sua família. E você precisa parar de comer um biscoito de chocolate de vez em quando? Não! Aprender esses conceitos nutricionais básicos ajuda você a entender que não há problema em incluir guloseimas especiais como parte de seu círculo alimentar de saúde e desfrutar de uma variedade de alimentos durante a semana. O que você precisa saber sobre nutrição? Fonte: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource Grupos de Alimentos Os alimentos são agrupados com base em propriedades nutricionais semelhantes, por isso é importante entender o que são os grupos e o que está incluído em cada um deles. Os grupos alimentares básicos para uma dieta saudável incluem vegetais, frutas, grãos, laticínios e proteínas. Coma frutas e vegetais. Já ouviu isso antes? Claro que sim, e é um excelente conselho: sua mãe realmente estava certa. Água A maioria das pessoas não bebe água suficiente todos os dias, mas todos deveriam fazer um esforço para fazê-lo. A água é essencial para o corpo porque está em todas as células, tecidos e órgãos, e ajuda você a se manter hidratado, principalmente durante atividades físicas prolongadas ou em climas quentes. Gordura dietética A ingestão total de gordura deve estar entre 20 e 35% do total de calorias por dia. Algumas gorduras são melhores para você do que outras e é importante saber a diferença entre gorduras trans, gorduras saturadas, gorduras poliinsaturadas e monoinsaturadas. Carboidratos Os carboidratos são uma importante fonte de energia para o corpo e devem ser a principal fonte de alimento todos os dias. Aprenda como os carboidratos certos alimentam o sistema e contribuem para a saúde geral. Proteína A ingestão de proteínas deve estar entre 10 e 35% de suas calorias diárias. A maioria das pessoas ingere mais proteína do que precisa todos os dias, por isso é aconselhável compreender esse grupo de alimentos e monitorar sua ingestão diária de proteínas. Reduzindo o açúcar na sua dieta Os efeitos do consumo de açúcar são altamente adversos. O açúcar não é apenas açúcar de mesa branco e refinado; o açúcar vem em muitas formas, como glicose, frutose, lactose e sacarose. Frutas, leite, mel, geléia e xarope de bordo são algumas das fontes de açúcar em nossa dieta. O americano médio consome um a três quilos de açúcar por semana, e todo esse açúcar tem efeitos prejudiciais à saúde. O açúcar afeta os níveis de insulina O índice glicêmico mede como os alimentos afetam os níveis de glicose no sangue. Cada alimento recebe uma classificação numerada e, quanto mais baixa a classificação, mais lentamente o alimento é absorvido pelo corpo, proporcionando uma infusão saudável e gradual de açúcares na corrente sanguínea. Uma classificação alta significa que os açúcares são liberados mais rapidamente, o que estimulou o pâncreas a secretar mais insulina para reduzir os níveis de açúcar no sangue. Açúcar, mel, xaropes e sucos de frutas têm alto índice glicêmico. Quando você ingere açúcar, os níveis de açúcar no sangue aumentam rapidamente, levando ao aumento da produção de insulina. Níveis mais elevados de insulina podem inibir a produção de hormônios de crescimento e enfraquecer o sistema imunológico. Níveis elevados de insulina também contribuem para o ganho de peso e, com o tempo, o estresse no corpo pode levar ao diabetes. O açúcar enfraquece o sistema imunológico Desde a década de 1970, médicos e cientistas sabem que a vitamina C ajuda os glóbulos brancos a matar vírus e bactérias. Os glóbulos brancos devem acumular vitamina C para consumir vírus, bactérias ou células cancerígenas. Mas a glicose e a vitamina C têm estruturas semelhantes, por isso, quando você ingere açúcar, os glóbulos brancos do seu corpo acumulam glicose em vez de vitamina C, deixando menos espaço dentro da célula para acumular a vitamina C necessária para combater os patógenos. O açúcar, portanto, retarda o sistema imunológico. O açúcar contribui para doenças É longa a lista de distúrbios físicos, mentais e emocionais agravados ou causados ​​pelos efeitos do consumo de açúcar. O açúcar causa estragos nos níveis de insulina do seu corpo, enviando-os para cima e para baixo, para cima e para baixo, e sobrecarrega o seu metabolismo, de modo que, com o tempo, o consumo excessivo de açúcar pode levar ao diabetes. Os açúcares também contribuem para o ganho de peso, o que pode causar doenças cardiovasculares, hipertensão e artrite. Outros efeitos nocivos do açúcar O açúcar contribui para a ansiedade, depressão e hiperatividade. O açúcar reduz os níveis de colesterol HDL e aumenta os níveis de colesterol LDL. O açúcar pode causar hipoglicemia. O açúcar pode causar danos aos rins. O açúcar causa cáries. O açúcar pode causar deficiências minerais. O açúcar pode causar dores de cabeça e enxaquecas. O açúcar pode aumentar os depósitos de gordura no fígado. O açúcar pode inibir sua capacidade de pensar com clareza. O açúcar pode aumentar o risco de coágulos sanguíneos e derrames. Eliminar o açúcar da sua dieta Não basta parar de colocar açúcar no café e no chá se quiser reduzir os efeitos do consumo de açúcar na sua dieta. Para limitar o açúcar na dieta, evite alimentos processados ​​e carboidratos simples. Produtos feitos com xarope de milho rico em frutose devem ser eliminados e você deve optar por frutas frescas e sucos de frutas. Se você tem desejo por açúcar, isso significa que os níveis de açúcar no sangue do seu corpo estão baixos. Não pegue um doce; em vez disso, coma um lanche rico em proteínas. "> conselhos dietéticos parece estar sempre mudando. No entanto, existem alguns conceitos nutricionais básicos que você deve conhecer e que o ajudarão a planejar refeições e lanches ao longo do dia – tanto para você quanto para toda a sua família. E você precisa parar de comer um biscoito de chocolate de vez em quando? Não! Aprender esses conceitos nutricionais básicos ajuda você a entender que não há problema em incluir guloseimas especiais como parte de seu círculo alimentar de saúde e desfrutar de uma variedade de alimentos durante a semana. O que você precisa saber sobre nutrição? Fonte: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource Grupos de Alimentos Os alimentos são agrupados com base em propriedades nutricionais semelhantes, por isso é importante entender o que são os grupos e o que está incluído em cada um deles. Os grupos alimentares básicos para uma dieta saudável incluem vegetais, frutas, grãos, laticínios e proteínas. Coma frutas e vegetais. Já ouviu isso antes? Claro que sim, e é um excelente conselho: sua mãe realmente estava certa. Água A maioria das pessoas não bebe água suficiente todos os dias, mas todos deveriam fazer um esforço para fazê-lo. A água é essencial para o corpo porque está em todas as células, tecidos e órgãos, e ajuda você a se manter hidratado, principalmente durante atividades físicas prolongadas ou em climas quentes. Gordura dietética A ingestão total de gordura deve estar entre 20 e 35% do total de calorias por dia. Algumas gorduras são melhores para você do que outras e é importante saber a diferença entre gorduras trans, gorduras saturadas, gorduras poliinsaturadas e monoinsaturadas. Carboidratos Os carboidratos são uma importante fonte de energia para o corpo e devem ser a principal fonte de alimento todos os dias. Aprenda como os carboidratos certos alimentam o sistema e contribuem para a saúde geral. Proteína A ingestão de proteínas deve estar entre 10 e 35% de suas calorias diárias. A maioria das pessoas ingere mais proteína do que precisa todos os dias, por isso é aconselhável compreender esse grupo de alimentos e monitorar sua ingestão diária de proteínas. Reduzindo o açúcar na sua dieta Os efeitos do consumo de açúcar são altamente adversos. O açúcar não é apenas açúcar de mesa branco e refinado; o açúcar vem em muitas formas, como glicose, frutose, lactose e sacarose. Frutas, leite, mel, geléia e xarope de bordo são algumas das fontes de açúcar em nossa dieta. O americano médio consome um a três quilos de açúcar por semana, e todo esse açúcar tem efeitos prejudiciais à saúde. O açúcar afeta os níveis de insulina O índice glicêmico mede como os alimentos afetam os níveis de glicose no sangue. Cada alimento recebe uma classificação numerada e, quanto mais baixa a classificação, mais lentamente o alimento é absorvido pelo corpo, proporcionando uma infusão saudável e gradual de açúcares na corrente sanguínea. Uma classificação alta significa que os açúcares são liberados mais rapidamente, o que estimulou o pâncreas a secretar mais insulina para reduzir os níveis de açúcar no sangue. Açúcar, mel, xaropes e sucos de frutas têm alto índice glicêmico. Quando você ingere açúcar, os níveis de açúcar no sangue aumentam rapidamente, levando ao aumento da produção de insulina. Níveis mais elevados de insulina podem inibir a produção de hormônios de crescimento e enfraquecer o sistema imunológico. Níveis elevados de insulina também contribuem para o ganho de peso e, com o tempo, o estresse no corpo pode levar ao diabetes. O açúcar enfraquece o sistema imunológico Desde a década de 1970, médicos e cientistas sabem que a vitamina C ajuda os glóbulos brancos a matar vírus e bactérias. Os glóbulos brancos devem acumular vitamina C para consumir vírus, bactérias ou células cancerígenas. Mas a glicose e a vitamina C têm estruturas semelhantes, por isso, quando você ingere açúcar, os glóbulos brancos do seu corpo acumulam glicose em vez de vitamina C, deixando menos espaço dentro da célula para acumular a vitamina C necessária para combater os patógenos. O açúcar, portanto, retarda o sistema imunológico. O açúcar contribui para doenças É longa a lista de distúrbios físicos, mentais e emocionais agravados ou causados ​​pelos efeitos do consumo de açúcar. O açúcar causa estragos nos níveis de insulina do seu corpo, enviando-os para cima e para baixo, para cima e para baixo, e sobrecarrega o seu metabolismo, de modo que, com o tempo, o consumo excessivo de açúcar pode levar ao diabetes. Os açúcares também contribuem para o ganho de peso, o que pode causar doenças cardiovasculares, hipertensão e artrite. Outros efeitos nocivos do açúcar O açúcar contribui para a ansiedade, depressão e hiperatividade. O açúcar reduz os níveis de colesterol HDL e aumenta os níveis de colesterol LDL. O açúcar pode causar hipoglicemia. O açúcar pode causar danos aos rins. O açúcar causa cáries. O açúcar pode causar deficiências minerais. O açúcar pode causar dores de cabeça e enxaquecas. O açúcar pode aumentar os depósitos de gordura no fígado. O açúcar pode inibir sua capacidade de pensar com clareza. O açúcar pode aumentar o risco de coágulos sanguíneos e derrames. Eliminar o açúcar da sua dieta Não basta parar de colocar açúcar no café e no chá se quiser reduzir os efeitos do consumo de açúcar na sua dieta. Para limitar o açúcar na dieta, evite alimentos processados ​​e carboidratos simples. Produtos feitos com xarope de milho rico em frutose devem ser eliminados e você deve optar por frutas frescas e sucos de frutas. Se você tem desejo por açúcar, isso significa que os níveis de açúcar no sangue do seu corpo estão baixos. Não pegue um doce; em vez disso, coma um lanche rico em proteínas. ">

1,200+ satisfied customers (4.7/5)

The Do's and Dont's of Nutrition

O que fazer e o que não fazer na nutrição

, by Ronald de Hoog, 5 min reading time

5 ALIMENTOS SAUDÁVEIS QUE VOCÊ DEVERIA COMER

Você está constantemente confuso sobre o que deveria comer? A resposta provavelmente é “sim” como nutricional e conselhos dietéticos parece estar sempre mudando. No entanto, existem alguns conceitos nutricionais básicos que você deve conhecer e que o ajudarão a planejar refeições e lanches ao longo do dia – tanto para você quanto para toda a sua família. E você precisa parar de comer um biscoito de chocolate de vez em quando? Não! Aprender esses conceitos nutricionais básicos ajuda você a entender que não há problema em incluir guloseimas especiais como parte de seu círculo alimentar de saúde e desfrutar de uma variedade de alimentos durante a semana.

O que você precisa saber sobre nutrição?

Fonte: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource

Grupos de Alimentos

Os alimentos são agrupados com base em propriedades nutricionais semelhantes, por isso é importante entender o que são os grupos e o que está incluído em cada um deles. Os grupos alimentares básicos para uma dieta saudável incluem vegetais, frutas, grãos, laticínios e proteínas. Coma frutas e vegetais. Já ouviu isso antes? Claro que sim, e é um excelente conselho: sua mãe realmente estava certa.

Água

A maioria das pessoas não bebe água suficiente todos os dias, mas todos deveriam fazer um esforço para fazê-lo. A água é essencial para o corpo porque está em todas as células, tecidos e órgãos, e ajuda você a se manter hidratado, principalmente durante atividades físicas prolongadas ou em climas quentes.

Gordura dietética

A ingestão total de gordura deve estar entre 20 e 35% do total de calorias por dia. Algumas gorduras são melhores para você do que outras e é importante saber a diferença entre gorduras trans, gorduras saturadas, gorduras poliinsaturadas e monoinsaturadas.

Carboidratos

Os carboidratos são uma importante fonte de energia para o corpo e devem ser a principal fonte de alimento todos os dias. Aprenda como os carboidratos certos alimentam o sistema e contribuem para a saúde geral.

Proteína

A ingestão de proteínas deve estar entre 10 e 35% de suas calorias diárias. A maioria das pessoas ingere mais proteína do que precisa todos os dias, por isso é aconselhável compreender esse grupo de alimentos e monitorar sua ingestão diária de proteínas.

Reduzindo o açúcar na sua dieta

Os efeitos do consumo de açúcar são altamente adversos. O açúcar não é apenas açúcar de mesa branco e refinado; o açúcar vem em muitas formas, como glicose, frutose, lactose e sacarose. Frutas, leite, mel, geléia e xarope de bordo são algumas das fontes de açúcar em nossa dieta. O americano médio consome um a três quilos de açúcar por semana, e todo esse açúcar tem efeitos prejudiciais à saúde.

O açúcar afeta os níveis de insulina

O índice glicêmico mede como os alimentos afetam os níveis de glicose no sangue. Cada alimento recebe uma classificação numerada e, quanto mais baixa a classificação, mais lentamente o alimento é absorvido pelo corpo, proporcionando uma infusão saudável e gradual de açúcares na corrente sanguínea. Uma classificação alta significa que os açúcares são liberados mais rapidamente, o que estimulou o pâncreas a secretar mais insulina para reduzir os níveis de açúcar no sangue.

Açúcar, mel, xaropes e sucos de frutas têm alto índice glicêmico. Quando você ingere açúcar, os níveis de açúcar no sangue aumentam rapidamente, levando ao aumento da produção de insulina. Níveis mais elevados de insulina podem inibir a produção de hormônios de crescimento e enfraquecer o sistema imunológico. Níveis elevados de insulina também contribuem para o ganho de peso e, com o tempo, o estresse no corpo pode levar ao diabetes.

O açúcar enfraquece o sistema imunológico

Desde a década de 1970, médicos e cientistas sabem que a vitamina C ajuda os glóbulos brancos a matar vírus e bactérias. Os glóbulos brancos devem acumular vitamina C para consumir vírus, bactérias ou células cancerígenas. Mas a glicose e a vitamina C têm estruturas semelhantes, por isso, quando você ingere açúcar, os glóbulos brancos do seu corpo acumulam glicose em vez de vitamina C, deixando menos espaço dentro da célula para acumular a vitamina C necessária para combater os patógenos. O açúcar, portanto, retarda o sistema imunológico.

O açúcar contribui para doenças

É longa a lista de distúrbios físicos, mentais e emocionais agravados ou causados ​​pelos efeitos do consumo de açúcar. O açúcar causa estragos nos níveis de insulina do seu corpo, enviando-os para cima e para baixo, para cima e para baixo, e sobrecarrega o seu metabolismo, de modo que, com o tempo, o consumo excessivo de açúcar pode levar ao diabetes. Os açúcares também contribuem para o ganho de peso, o que pode causar doenças cardiovasculares, hipertensão e artrite.

Outros efeitos nocivos do açúcar

  • O açúcar contribui para a ansiedade, depressão e hiperatividade.
  • O açúcar reduz os níveis de colesterol HDL e aumenta os níveis de colesterol LDL.
  • O açúcar pode causar hipoglicemia.
  • O açúcar pode causar danos aos rins.
  • O açúcar causa cáries.
  • O açúcar pode causar deficiências minerais.
  • O açúcar pode causar dores de cabeça e enxaquecas.
  • O açúcar pode aumentar os depósitos de gordura no fígado.
  • O açúcar pode inibir sua capacidade de pensar com clareza.
  • O açúcar pode aumentar o risco de coágulos sanguíneos e derrames.

Eliminar o açúcar da sua dieta

Não basta parar de colocar açúcar no café e no chá se quiser reduzir os efeitos do consumo de açúcar na sua dieta. Para limitar o açúcar na dieta, evite alimentos processados ​​e carboidratos simples. Produtos feitos com xarope de milho rico em frutose devem ser eliminados e você deve optar por frutas frescas e sucos de frutas.

Se você tem desejo por açúcar, isso significa que os níveis de açúcar no sangue do seu corpo estão baixos. Não pegue um doce; em vez disso, coma um lanche rico em proteínas.

Tags


Blog posts

  • Best Walks in the New Forest

    , by FLOW Admin Best Walks in the New Forest: Uncover Hampshire's Natural Beauty

    Read more 

  • Derwent Water Lake District England

    , by FLOW Admin Best Walks in the Lake District: Exploring England's Beautiful National Park

    Read more 

  • Best Walks in London

    , by FLOW Admin Best Walks in London: Discover the City's Top Routes

    Read more 

Login

Forgot your password?

Don't have an account yet?
Create account